O prefeito de Gravatá, Joselito Gomes (PSB), emitiu uma nota através de vídeo, onde justifica o motivo do aumento nos números de casos da Covid-19 no município. Segundo Joselito, o que teria provocado o aumento dos casos foi a ampliação do número de checagem, que foram de 40 para 100 por dia.

Durante o vídeo, o prefeito afirma que “Barreiras Sanitárias não funcionam mais”, e causou estranheza nas redes sociais, onde foi tachado de “Negacionista”.

Desde o inicio de sua gestão, Joselito não manteve o funcionamento das barreiras, com isso, deixou-se de realizar o monitoramento e checagem em quem entra na cidade pelos principais pontos de acesso.

No último Sábado (22/05), Gravatá registou a chegada de um grande número de turistas que residem em casas de veraneio. Não houve fiscalização, e o acesso a cidade estava livre e congestionado.

Ao contrário do que diz, o prefeito, a Organização Mundial da Saúde (OMS), afirma que a implantação de Barreiras Sanitária colaboram para o controle da propagação do novo Coronavírus (Covid-19), sendo uma das ações adotadas por municípios no combate a pandemia.



PubGS - Você viu, seu cliente verá!

Os comentários estão desativados.