Fotos: Gilvan Silva

O prefeito de Gravatá, Joselito Gomes que é do (PSB), durante toda sua campanha eleitoral, e após, sendo eleito prefeito, constantemente indagou ser a favor do dialogo, que era o prefeito do dialogo, mas não quis dialogar com os concurseiros em plena Audiência Pública realizada no plenário da Câmara de Vereadores de Gravatá, onde o mesmo e outros representantes da gestão, foram intimados e não compareceram.

Para os concurseiros que aguardavam a presença do chefe do poder executivo na Audiência, foi uma falta de respeito com todos os presentes, a não ida do mesmo, onde até NÃO JUSTIFICOU o motivo da sua ausência, nem de todos os intimados que fazem parte da gestão.

O que custaria ao prefeito ir a Audiência e encarar olho no olho os concurseiros? contar sua versão, do porque anulou o concurso por força de um decreto, nº080/2021.

A não ida do prefeito abriu vários leques, e já dizia o ditado, “quem não deve não teme”, e se teme é porque deve…



PubGS - Você viu, seu cliente verá!

Os comentários estão desativados.