Foto: Kiko Por Ká/Cortesia

Infelizmente, os gravataenses estão assistindo a falta de respeito com o meio ambiente na cidade. O repórter Kiko Por Ká, DIARIAMENTE retrata os maus tratos com árvores e plantas, onde a gestão municipal vem realizando uma forma de poda desrespeitosa, estarrecendo as pessoas.

Tirando alguns que estão se beneficiando na gestão, e concordam com a situação cruel que o meio ambiente vem sendo tratado, a grande maioria concorda que esse tipo de poda AGRESSIVA não deveria acontecer, mas infelizmente acontece.

Segundo Kiko Por Ká, na Praça do SAPO, plantas que deram origem ao nome da cidade foram arrancadas e jogadas no aterro sanitário. Falta irrigação nas praças, e plantas estão morrendo.

Como se não bastasse, pasmem, neste domingo (24/10), novas plantas existentes em frente ao Cristo Redentor no Alto do Cruzeiro foram queimadas. Um verdadeiro incêndio foi registrado, e as vítimas inofensivas e sem forma de defesa, foram destruídas.

Não se sabe quem ou o que, causou o incêndio, mas deveria haver ações de fiscalização pelos órgãos competentes do município, além da preservação da planta que deu origem ao nome da cidade, que infelizmente não vem sendo preservadas nem respeitadas.



PubGS - Você viu, seu cliente verá!

Os comentários estão desativados.