Severino e Arapiraca. Foto: De Olho Em Gravatá

Severino José de Oliveira Júnior reside na cidade de Feira Nova, localizada na mesorregião do Agreste Pernambucano e na Microrregião do Médio Capibaribe, mas trabalha na cidade de Gravatá, na área da construção civil.

Para se deslocar da cidade onde reside ao seu trabalho, ele percorre 69,8 km, via PE-050 e BR-232, cerca de 1 h 7 min, e para fazer esse trajeto, ele tinha uma moto, que na última sexta-feira (17/09), foi apreendida na operação da Lei Seca, sobre as alegações de não possuir CNH, e a moto estava com o IPVA atrasado. Nas restrições ainda informava que a moto do Severino não poderia trafegar nas ruas, por oferecer riscos.

Por outro lado, Severino alegou que se arriscava pelos seus dois filhos, esposa, mãe, pai e avó, uma senhora de idade que necessita de fraldas geriátricas. A moto era seu único meio de transporte, sua ferramenta de trabalho.

Agora, Severino luta para comprar uma nova moto, pois segundo as restrições, não adiantaria tentar recuperar sua moto antiga. Ele disponibilizou uma Chave PIX para quem poder ajudar, além de está fazendo uma RIFA no valor de: R$10,00 Reais, com o intuito de comprar sua moto e também, tirar sua habilitação, para poder trabalhar tranquilo.

Quem encabeçou sua luta na cidade de Gravatá, foi o empreendedor, Arapiraca da Banca, que vem colaborando e ajudando na divulgação e arrecadação.

“Temos que ajudar o próximo. Fiquei muito comovido com a situação de Severino, uma pessoa boa, de coração puro que apenas quer sobreviver, e manter sua família. Estamos juntos nessa luta por Severino”.

Comentou Arapiraca.

Para Doações: PIX: 81994554724.



PubGS - Você viu, seu cliente verá!

Os comentários estão desativados.