O prefeito de Gravatá, Padre Joselito (PSB), acompanhado do vice-prefeito, Junior Darita (PL), assessores, vereadores, secretários, admiradores e representante da empresa MOC SERVIÇOS DE CONSTRUÇÕES EIRELI, realizou no fim da tarde desta quarta-feira (16/06), a assinatura da ordem de serviço para continuação das obras da UPA – Unidade de Pronto Atendimento, iniciada na gestão do ex-prefeito, atual presidente do PSB Gravatá e Assessor Estratégico da Gestão, Ozano Brito.

Em 19 de dezembro de 2012, o ex-prefeito, Ozano Brito Valença assinou junto com a empresa Fernandes Machado Engenharia e Arquitetura Eireli, da cidade de Recife, a ordem de serviço para a construção da um UPA de Porte I, através do contrato nº063/2012, processo licitatório nº030/2012 e tomada de preço nº003/2012, com prazo para conclusão da obra, em 7 MESES.

Em 21 de Agosto de 2014, o ex-prefeito afastado do poder, Bruno Martiniano (sem partido), assinou o atestado da conclusão da obra, tendo o documento inserido oficialmente, no Sistema de Monitoramento de Obras do Governo Federal – SISMOB.

No ano de 2015, foi realizada uma auditoria, e foram identificadas várias irregularidades, onde foi identificado que a UPA, não estava concluída, como havia declarado Bruno Martiniano.

Vale enfatizar que o valor de R$ 1.135.451,74 reais, foi pago pela obra, que foi orçada em R$ 1.201.536,37 reais, sendo 94,40% da obra quitada. Entre os problema identificados estavam: Falta de equipamento, sem instalação elétrica, sem instalação hidráulica, além de problemas na estrutura. Foi identificado também, duplicidade em pagamentos para serviço de pintura.

O prédio da UPA estava em investigação federal, quando o ex-prefeito, Joaquim Neto (PSDB), tentou alterar a modalidade da obra, para um Centro de Especialidades. Encaminhou projeto e aguardou aprovação, mas devido as investigações, não conseguiu êxito.

Agora, na atual gestão de Joselito Gomes, misteriosamente, a OBRA retoma, e já começa nesta quinta-feira (17/06). O prazo para entrega da UPA se estende até o dia, 15/12/2021. Vale enfatizar, que o valor da reforma assinado na data de hoje, é de R$ 383.627,90 reais.



PubGS - Você viu, seu cliente verá!

Os comentários estão desativados.