Moradores do Bairro Porta Florada Revoltados com Gustavo da Serraria

35024
Foto: Gilvan Silva

Na Seção Plenária da Câmara de Vereadores de Gravatá, realizada nesta quarta-feira (18), um projeto que trata da doação de um pequeno terreno para a construção da Associação dos Moradores do Bairro Porta Florada, teve que ser adiado, pois o vereador de oposição, Gustavo da Serraria (PV), pediu vista do projeto, e como a casa entrou em recesso, os moradores do Bairro Porta Florada foram prejudicados.

Esta doação foi um compromisso do Prefeito Joaquim Neto (PSDB), com aquela comunidade. A redação do De Olho Em Gravatá entrou em contato com o Presidente da Associação, um morador conhecido como Capitão e a revolta na comunidade é grande.

Segundo Capitão, “O Vereador com esse ato, comprova seu despreparo e perseguição ao Prefeito, semana passada o vereador Gustavo encaminhou um oficio para a Associação exigindo que eu apresenta-se documentos da associação que não está na lei, como forma de ameça. Isso é prova de que ele ao tentar atrapalhar a administração do Prefeito Joaquim Neto, também prejudicou a comunidade do Porta Florada, espero que ele não venha aqui pedi voto nas eleições de 2020“, Concluiu o Sr. Capitão.

Vale salientar que o Bairro Porta Florada está processo de legalização, e precisa da associação para que isso se conclua. O prefeito através de suas secretarias, tem dado total assistência a localidade. Ação de Saúde já foram realizadas, com recadastramento dos moradores e atendimentos presenciais.

Moradores do Bairro Porta Florada Revoltados com Gustavo da Serraria
4.7 (94.28%) 21417 votos

Avalie-nos - Deixe Sua Opinião!

Anuncie

Anuncie