Foto: Instagram/Edivaldo Martins

O De Olho Em Gravatá, através do Portal de Notícias Políticas, Só Políticas, tomou conhecimento que na noite desta quinta-feira (29/06), Edvaldo Martins, presidente do diretório do Partido Verde de Gravatá, e o vice-presidente, Dr. Luiz Maranhão, apresentaram carta de renúncia dos respectivos cargos.

Nas cartas, ambos justificaram que as renúncias se dão, “por motivos pessoais, sobretudo pela falta de comunicação com o diretório estadual do referido partido”.

“Chegou o momento de seguir em frente e concentrar minha energia e esforços em outros projetos. Acredito que é fundamental para qualquer cidade a relação política de mão dupla, onde as necessidades da cidade são enviadas para os representantes do parlamento. Quando isso se torna impossível, ou não há boa vontade de atender os anseios dos Gravataenses, torna-se insustentável a minha permanência neste partido”.

Dizia trecho de ambas as cartas de renúncia.

Agora, o Partido Verde, com seu diretório em Gravatá, está sem presidente e vice-presidente. Há rumores que de o ex-presidente, Gustavo da Serraria, seria o mais cotado para reassumir o partido, nada confirmado até o momento.

Confira abaixo, as cartas de renúncia:

GMK Ads | A Marca da Sua Marca!