O vereador de Gravatá Gil Dantas (PSDB) esteve fiscalizando as obras das Quadras Poliesportivas nos distritos de Gravatá, Agreste de Pernambuco. Ao fiscalizar as obras do distrito de Uruçu-Mirim se deparou com um cenário propício para filme de terror.

Listamos abaixo alguns dos problemas identificados pelo vereador:

  • As estruturas da quadra estão enferrujadas.
  • Algumas paredes estão com rachaduras.
  • Materiais de construção abandonados e expostos.
  • A cobertura de madeira ao redor do espaço foi degradada e destruída pelo tempo.
  • Caixa d’água abandonada e aberta acumulando água parada.
  • Além do próprio espaço está completamente abandonado pela atual gestão.

Com uma área de 980,40M² a quadra foi projetada para comportar 100 pessoas. Foram empenhados na construção da quadra o valor de R$841.980,84 mil reais (oitocentos e quarenta e um mil, novecentos e oitenta reais e oitenta e quatro centavos). A obra teve inicio em 13 de Janeiro de 2020 e deveria ter finalizado em 13 de Janeiro de 2021.

“A obra da Quadra de Uruçu-Mirim está em extremo abandono. Vou cobrar informações sobre quando vão retomar essas obras e porque elas estão paralisadas. O que não pode é ficar da forma que está”, disse Gil Dantas ao De Olho Em Gravatá.

As obras das Quatro Quadras Poliesportivas foram idealizadas e iniciadas na gestão de Joaquim Neto (PSDB),e deveriam ser mantidas pela atual gestão, o que não está ocorrendo.



PubGS - Você viu, seu cliente verá!

Os comentários estão desativados.