Na manhã desta terça-feira (26), a Secretaria de Saúde ofereceu uma formação para médicos e enfermeiros das Unidades de Saúde da Família (USFs) com o objetivo de capacitar os profissionais para atuarem no combate e tratamento da tuberculose.

O encontro foi realizado no auditório da Secretaria de Educação e contou com a participação de cerca de 50 profissionais ao todo. As atividades foram ministradas pela Coordenação da Atenção Básica e pelo Programa de Controle da Tuberculose.

Durante a capacitação, foram apresentados dados relativos aos casos de contágio da doença identificados nos anos de 2017 e 2018. Os dados apontaram para o fato de que, nesse período, cerca de 30 casos foram registrados no município.

Segundo Aline Lima, da Coordenação de Vigilância Epidemiológica, o número não é alarmante, porém, é necessário trabalhar para a redução desses casos para que uma possível epidemia seja evitada.

Nos últimos cinco anos, nós conseguimos manter uma estabilidade no quadro de pessoas com tuberculose no município. Mas, temos como objetivo, baixar esse índice através de ações de prevenção e de tratamentos efetivos. A tuberculose é uma doença que tem cura e quando é identificada precocemente, as chances são muito maiores. Todos os profissionais da saúde precisam estar atentos aos sintomas da doença. Capacitações como esta são de extrema importância,” completou.

Dayane Moreira, enfermeira do PSF do CAIC, falou sobre suas expectativas com a formação.

Vim com o intuito de adquirir novos conhecimentos e de ajudar a população gravataense a buscar melhorias na sua saúde. As informações que foram trazidas são muito esclarecedoras. A partir delas, vamos alcançar o objetivo de combater a tuberculose no município da forma mais eficaz”.

A capacitação desta terça também faz referência ao Dia Mundial da Luta Contra a Tuberculose, 24 de março, último domingo.

Saúde: Secretaria oferece capacitação para profissionais das USFs de Gravatá
4.8 (95.79%) 271 votos
Deixe seu Comentário!

- - anuncie aqui - -

Anuncie