Nem os Mortos Vão Escapar de Tributos Em Gravatá

200















Desta Vez, a Situação é Mais Grave do Que Se Imagina.

Nem os Mortos Estão Escapando de Tributos Cobrados Pela Prefeitura de Gravatá e Seu Gestor ”BRUNO MARTINIANO”.

Se Você Tem Um Ente querido Enterrado no Cemitério de Gravatá, Atenção.

Quem Tiver Tumulo no Cemitério da Cidade, Deve Comparecer ao Mesmo, de Segunda a Sexta-feira Das 07:00 as 09:00 da Manhã Para Realizarem Um Cadastro de Titularidade do Tumulo, e Caso Ficar Constatado que o Proprietário do Tumulo Está Em Divida, Valores Serão Cobrado do mesmo.

A Redação do DE OLHO EM GRAVATÁ Entrou em Contato Com o Diretor do Cemitério de Gravatá ”Vanderlei Silva” Que Nos Repassou Informações Sobre o Caso.

O Diretor do Cemitério Entrou em Contradições Várias Vezes Durante o Contato com Nossa Equipe.


Ele Nos Repassou que Antigamente Entre 2002, 2003 Existia duas Formas de Conseguir Um Tumulo, O Primeiro Modo erá Por Intermédio de Alguns Políticos, Já o Segundo Modo Erá Pagando Uma Taxa Pelo Local, e os Valores Eram Parcelados Em Até 6 VEZES.

Ainda em Entrevista, Ele Nos Repassou Que o intuito da ação é ter o histórico do espaço em dia com informações diversas, e acima de tudo, evitar violações no local.

Mais, Muita Gente Será Pega de Surpresa, Pois Segundo Vanderlei, Tem Gente Que Está Em Debito Com o Cemitério e No Ato do Cadastramento os Valores Serão Cobrados se Caso Existir Divida em Aberto.

Todo Valor Recolhido das Taxas Que Serão Cobradas, Vão Ser Repassadas a Secretária de Finanças e Após Encaminhada a Prefeitura ”PARA OS COFRES PÚBLICOS”. DIZ O DIRETOR DO CEMITÉRIO.


Os Proprietários Devem Comparecerem Com Xerox de Identidade e CPF e o Documento que Comprove que o Mesmo é de Fato Proprietário do Tumulo.


Direto da Redação: GILVAN SILVA

IMAGEM: ARQUIVO

Nem os Mortos Vão Escapar de Tributos Em Gravatá
Ainda não votou
Anuncie